>Cuidados ao comprar um animal

>

Cuidados ao comprar um animal 

Assim como um animal será seu grande companheiro, pense que seu amigo não deve ser comprado. Você não compra parentes e amigos, certo? Então, por que comprar um animal se existem tantos precisando de donos responsáveis? Além de ficar à mercê de comerciantes de vidas (criadores de fundo de quintal, revendedores inescrupulosos e até mesmo criadores conceituados e premiados que exploram os animais para vender suas crias) que só querem dinheiro, não se importando com a saúde e o bem-estar do animalzinho, ao comprar um cão ou gato você tira a chance de dar um lar a um bichinho de rua, que, bem cuidado, pode lhe trazer muitas alegrias e ficar tão lindo quanto qualquer animal de raça. 

Você pode até mesmo adotar um dos muitos animais de raça retirados das ruas (30% dos animais abandonados no CCZ de São Paulo são animais de raça que foram levados até eles pelos próprios donos), abandonados por donos irresponsáveis que, depois de comprarem de criadores que não se importam com quem vai cuidar dele, se arrependem e os soltam nas ruas com todos os outros animais que lá já existem. Ao comprar, você estimula esse comércio indiscriminado de vidas. E uma vida não tem preço.


Se mesmo assim você estiver decido a ter uma animalzinho de raça, não deixe de seguir a risca os cuidados abaixo:

– Antes de comprar um animal por impulso apenas por ele ser “fofinho”, lembre-se que filhotinhos engraçadinhos e pequenininhos crescem e podem se transformar numa dor de cabeça mais tarde. Por isso, pesquise muito bem quais as características de cada raça, como temperamento e porte, para não ter nenhuma surpresa depois;
– Depois de escolher a raça que mais se adequa ao que você quer, procure criadores sérios ao invés de comprar animais em pet shops ou com revendedores de filhotes. Nunca compre animais em feiras e exposições;
– Nunca compre animais sem antes conhecer o local onde são criados. Só assim você poderá conferir se os animais são criados livres (muitos criadores ainda hoje criam seus animais em pequenas gaiolinhas) e em boas condições de higiene, além de poder conhecer os pais do filhote que você pretende comprar e averiguar se estes estão saudáveis, se apresentam olhos brilhantes e sem secreção, se a pelagem é brilhante e sem falhas, e se os filhotes são ativos e felizes;
– Exija sempre o pedigree sem custos extra. O pedigree é um documento emitido pelo clube ou federação ao qual o criador é filiado, e serve como um registro de ninhadas para evitar que as fêmeas sejam acasaladas mais de duas vezes por ano. Esse documento custa ao criador R$ 15,00 (quinze) reais. Por tanto, desconfie de criadores que cobram muito mais caro por filhotes com pedigree ou que cobram algum valor absurdo a parte pelo pedigree dos filhotes;
– Depois de escolher a raça, pesquise quais são as doenças mais comuns dela e verifique quais exames precisam ser feitos para você garantir que está comprando animais saudáveis e livres de doenças genéticas;
– Para gatos das raças persa e exótica exija sempre o resultado negativo para síndrome dos rins policísticos (PKD), doença que acomete 40% de todos os gatos dessas duas raças no mundo, feito por DNA. E não acredite na palavra do criador de que eles são negativos… peça para ver com seus próprios olhos o exame;
– Para gatos da raça Maine Coon, exija exames negativos para cardiomiopatia hipetrófica (HCM) e displasia coxofemural (DCF);
– Para cães de porte grande em geral: exija exames negativos para displasia coxofemural (DCF);
– Prestigie criadores responsáveis, que amam verdadeiramente seus animais, vendendo apenas filhotes castrados. Se você comprar um gatinho ou cachorrinho sem castrar, castre-o. Colabore para acabar com a super população de animais;
–  E não se esqueça que filhotes de raça são frutos de cruzas planejadas. Por isso, não admita que criadores arrisquem a saúde e o bem estar desses animais em nome da beleza e do padrão da raça. Lembre-se ainda que canis e gatis premiados não são garantia de animais saudáveis. 

Com esses cuidados você vai ter certeza de adquirir um animalzinho saudável e vai ajudar a combater a prática de pessoas inescrupulosas que fazem da exploração desses pequenos animais e do sofrimento um meio de vida.  



Texto do site: Mopi Bichos

About Cantinho dos Gatos

"O gato é uma lição diária de afeto verdadeiro e fiel. Suas manifestações são íntimas e profundas. Exigem recolhimento, entrega, atenção." (Artur da Távola)
This entry was posted in Conheça as raças, Cuidados. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s